O Afásico é Rejeitado Pela Sociedade

afasico-rejeitado

As pessoas que sofreram de problemas da fala, especialmente de Afasia (perda da fala), são muito rejeitadas pela sociedade, a maioria dos seus amigos os abandonaram e até os parentes se afastam. Por esse, motivo é muito importante a frequência na minha aula de oratória em grupo, para preparar esses pacientes a seu retorno ao convívio social.

Outro paciente que tratei foi um ex-presidente de um Banco que, ao entrar para a política, sofreu um atentado e levou um tiro que atingiu o lado esquerdo do seu cérebro, e a bala não pôde ser retirada. Para não causar maiores danos neurológicos, eu consegui recuperar a sua fala e principalmente a sua auto estima com a sua frequência na aula de oratória em grupo.

Outra pessoa que frequentou meu curso foi um jovem que sofreu um acidente de moto e teve um traumatismo craniano, ficando com a fala toda embolada. Ele morava numa cidade de Minas Gerais, a sua recuperação da fala foi muito boa.

Eu até cito na história da minha vida: iniciei o meu trabalho com o meu cunhado que perdeu a fala num acidente de carro e ficou quatro meses em estado de coma. Quando ele acordou, a sua fala estava bem prejudicada, e ele foi meu primeiro paciente, porque naquela época a profissão nem existia: esse fato ocorreu em 1968.